ColunistaFórmula 1Post

Williams revela FW43B, com pintura reformulada para a temporada 2021

A Williams é o pnúltimo time a revelar a sua pintura. O FW43B será guiado por George Russell e Nicholas Latifi

A Williams divulgou nesta sexta-feira (05) o FW43B, carro que será utilizado na temporada 2021 por George Russell e Nicholas Latifi.

O carro que manteve o FW nos chassis respeitando a história do time e de Sir Frank Williams, mesmo após ser adquirida pela empresa de investimentos, Dorilton Capital, eles optaram por não apagar a história da equipe, pois estão preservando-a.

A pintura neste ano aparece roda reformulada, o FW43B tem uma área maior de azul, envolvendo toda a traseira do modelo, além de uma faixa amarela localizada no bico do carro, o time apostou no visual dos carros das décadas de 1980 e 1990. O layout de 2020 apostou em um carro quase todo branco, com detalhes em azul.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Portanto, criamos uma nova pintura para o carro 2021; uma que reconhece nosso incrível passado e retém o espírito, a unidade e a motivação que permanecem no núcleo do DNA da Williams, mas olha para o futuro e indica nossa ambição de longo prazo de retornar à frente do grid. Embora estejamos apenas começando esta jornada e ainda haja muito trabalho a fazer, estamos felizes em ver o ímpeto na direção certa e esperamos continuar esse progresso na pista nesta temporada”, afirma Jost Capito, CEO da Williams.

A Williams testaria uma nova forma de lançamento para divulgar o seu carro em 2021, a equipe havia disponibilizado um aplicativo onde os fãs poderiam ver o carro em realidade aumentada, no entanto, ele foi hackeado e eles precisaram realizar o lançamento tradicional, divulgando as imagens do FW43B.

Este é o segundo ano que a Williams vai contar com George Russell e Nicholas Latifi, a confirmação da dupla ocorreu antes de Claire Williams deixar a equipe. Os pilotos entregaram o que foi possível com o carro que tinham na última temporada, no entanto, terminaram o ano zerado em pontos. Jack Aitken segue como piloto reserva da equipe, ele substituiu Russell durante o GP de Sakhir, quando o piloto esteve guiando pela Mercedes. 

A Williams está passando por uma fase de reestruturação, Simon Roberts é novo chefe de equipe, eles também contam com Jost Capito ocupando o cargo de CEO, além de Jenson Button como conselheiro sênior da equipe. Estas pessoas devem ajudar no crescimento da Williams, junto com a Dorilton Capital que está direcionando e aplicando o dinheiro de uma melhor forma nos departamentos de desenvolvimento.

“A Williams Racing é um ícone do esporte e uma equipe que construiu uma reputação de sucesso por meio de pura determinação e coragem entrelaçada com inovação, habilidade de corrida apaixonada e habilidosa e um desejo absoluto de vencer. Altos e baixos são típicos na jornada de qualquer marca esportiva estabelecida há muito tempo, e o sucesso histórico pode ser um forte motivador, mas não se pode confiar nele para definir o sucesso futuro na era moderna da Fórmula 1″, disse Jost Capito.

Infelizmente não é esperado um salto da Williams de 2020, para 2021, mas em alguma ocasião a equipe pode conquistar alguns pontos. Ficar na última, ou penúltima posição no campeonato de construtores pode não se algo ruim, já que eles teriam mais horas no túnel de vento para desenvolver o carro.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo