ColunistaFórmula 1Post

Red Bull quer definir o motor para 2022 até o final desta temporada

Após a Honda anunciar a saída da Fórmula 1, a Red Bull está negociando Mercedes, Ferrari e Renault o fonecimento dos motores para 2022

A Red Bull está precisando de um fornecedor de motores para 2022, após o anúncio da saída da Honda, o time está negociando com as atuais fornecedoras do grid a unidade de potência. O time austríaco é um forte concorrente para a Mercedes e durante o fim de semana do GP de Eifel, Toto Wolff disse que os motores da equipe Mercedes não serão fornecidos para os adversários.

Christian Horner segue conversando com Ferrari, Renault e Mercedes para poder definir alguma coisa e falou um pouco sobre o prazo para fechar este acordo: “Idealmente até o final do ano, porque é claro o motor é parte integrante do projeto de 2022, então o ideal é conseguir até o final deste ano, então a equipe de design vai para o próximo ano com um conjunto claro de parâmetros.”

Foto: Red Bull Racing

O fim do relacionamento Renault e Red Bull foi bem conturbado, mas como o time francês tem o menor número de equipes clientes, o ideal é que ela disponibilize a unidade de potência.

“Obviamente, eles são os três fornecedores atuais restantes após o final de 2021, então é natural que entremos em negociações com essas partes”, disse Horner. “Temos um pouco de tempo do nosso lado para avaliar todas as opções, então inevitavelmente sempre haverá uma discussão sobre motores quando não se tem um para a temporada de 2022.”

Confira: A saída da Honda e as questões que ela provoca neste momento

Com a Mercedes deixando claro que não fornecerá os motores para a Red Bull, eles e a AlphaTauri vão ficar limitados a negociar com a Ferrari e a Renault.

“Queremos competir e queremos ganhar campeonatos mundiais. É por isso que a Red Bull está no esporte, é para isso que está aqui e só podemos fazer isso com uma unidade de potência competitiva e é aí que precisamos usar nosso tempo para, analisar e tomar a nossa decisão.”

Confira: Será que a Honda vai para a Fórmula E?

Falam até mesmo da Red Bull continuar com os motores da Honda ao adquirirem a propriedade intelectual, desta forma seria possível trabalhar nos motores com o próprio nome da equipe. A Red Bull não está descartando esta possibilidade pois eles ainda tem um pouco de tempo para analisar todas as possibilidades.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo