AutomobilismoColunistaStock Car

Galid Osman é pole, Camilo em segundo garante a primeira fila para a Ipiranga Racing

A prova de Classificação da Stock Car, para a etapa de Tarumã que acontece neste domingo (22) foi bem movimentada e realizada em um chove e para. Galid Osman acabou surpreendendo com ao marcar a pole com 1:07:800, arriscando tudo e conseguindo o melhor tempo. O piloto da Ipiranga Racing era o que tinha o melhor conjunto de pneus, pois havia arriscado apenas uma volta rápida por etapa desta sessão.

https://twitter.com/Galid_Osman/status/921756195601485826

Thiago Camilo ficou com o segundo lugar e garantiu a primeira fila para a equipe. O piloto teve alguns problemas no Q1, mas a Ipiranga teve tempo de mexer no carro, entre a bandeira vermelha ocasionada por Cacá Bueno e no retorno conseguir passar entre os quinze, ainda conseguindo encaixar o carro na primeira colocação. Depois disso as coisas melhoraram para Camilo e a reta final do treino foi feita de forma mais segura e confiante. Max Wilson vem terceiro para finalizar este pódio.

https://twitter.com/maxwilson/status/921818112294637568

Alguns pilotos vão cumprir a punição da perda de metade ou de todos os botões de push devido a algumas irregularidades da etapa da Argentina. Os que perdem 50% são Thiago Camilo, Betinho Valério, Cesar Ramos, Felipe Lapenna e Marcos Gomes. Já Guga Lima, Lucas Foresti e Valdeno Brito, não vão ter nenhum. Alguns pilotos tentaram adiar está punição para a próxima etapa e Camilo foi um dos que conseguiu a aprovação depois da apresentação deste recurso.

lll Saiba como foi a Classificação

lll Q1

A prova de classificação começou meio úmida, pois estava um chove e para no autódromo.

https://twitter.com/stock_car/status/921745601695543296

Ricardo Mauricio era o primeiro a deixar o pit-lane, os pilotos tentavam aproveitar as melhores condições de pista, para evitar fazer uma passagem enquanto ela estivesse muito molhada, mas já podíamos perceber que provavelmente o grupo dois teria uma pista melhor para andar se a garoa desse uma trégua.

Eles precisavam conseguir os melhores tempos nos primeiros minutos, pois ninguém sabia se teria uma mudança nas condições climáticas.

Zonta era o líder do grupo A, ao marcar 1:08:011, seguido por Denis Navarro com 1:08:245 e logo depois vinha Rubens Barrichello com 1:08:249.

Aos poucos os pilotos que já haviam garantido tempo, retornavam para os boxes e as posições mudavam rapidamente, Daniel Serra havia se tornado líder com 1:07:935. Max Wilson era empurrado para sexto com 1:08:124.

Restando menos de 1 minuto para o termino, Daniel Serra liderava, seguido por Ricardo Zonta, Ricardo Mauricio, Denis Navarro, Vitor Genz, Max Wilson, Valdeno Brito, Rubens Barrichello, Felipe Fraga e Allam Khodair.

Era a vez do Grupo B ir para a pista e uma garoa um pouco mais forte começava a tomar conta do autódromo, modificando a aposta do começo da sessão. Thiago Camilo era o último a sair dos boxes. Atila Abreu era o primeiro a subir para ao marcar 1:08:390. Pouco tempo depois Galid Osman assumia a liderança do treino ao marcar 1:07:834.

Cacá Bueno acabava saindo da pista e não conseguia voltar para a pista, Gabriel Casagrande também extravasava os limites da pista. Rafael Suzuki aparecia em terceiro com 1:07:979.

Marcos Gomes também conseguia se encaixar entre os primeiros, ficando em segundo ao marcar 1:07:896.

Uma bandeira vermelha era acionada no Q1, por causa de uma batida de Cacá Bueno. O carro dele parecia já ter alguns problemas, desde a primeira escapada. O piloto da Cimed Racing acabou saindo de traseira do carro e batendo forte na barreira de pneus.

Os pilotos do Grupo B que até o momento da paralização que haviam conseguido passar para o Q2 eram: 1- Galid Osman, 2- Marcos Gomes, 4- Rafael Suzuki, 8- Átila Abreu, 11- Antonio Pizzonia e 12- Diego Nunes.

Quando a pista foi liberada os pilotos tinham apenas 2 minutos e 30 segundos para conseguir dar uma boa volta e se encaixar entre os 15.

A Bia Figueiredo era a primeira a sair dos boxes, quando a liberação da pista ocorreu e eles tinham apenas a oportunidade de conseguir dar uma volta rápida. Thiago Camilo conseguia passar em primeiro usando a sua única oportunidade ao marcar 1:07:752, sendo o último a conseguir estar entre os 15.

[ Como ficou: 

[ 16º Cesar Ramos – 1m08s191
[ 17º Rubens Barrichello – 1m08s249
[ 18º Felipe Fraga – 1m08s265
[ 19º Allam Khodair – 1m08s350
[ 20º Sergio Jimenez – 1m08s360
[ 21º Marcio Campos – 1m08s496
[ 22º Betinho Valério – 1m08s608
[ 23º Felipe Lapenna – 1m08s683
[ 24º Guilherme Salas – 1m08s835
[ 25º Bia Figueiredo – 1m08s904
[ 26º Lucas Foresti – 1m09s048
[ 27º Guga Lima – 1m09s147
[ 28º Tuka Rocha – 1m09s360
[ 29º Cacá Bueno – 1m12s577
[ 30º Gabriel Casagrande – sem tempo

https://twitter.com/stock_car/status/921748880903102465

lll Q2

https://twitter.com/stock_car/status/921749739862978565

Assim que a pista fora liberada, os pilotos não perderam tempo para decidir quem era os seis melhores. Ricardo Zonta assumia a liderança do treino com 1:07:679, mas Thiago Camilo conseguia ser mais rápido e marcava 1:07:487. Max Wilson era o terceiro com 1:07:878, seguido por Galid Osman com 1:07:880 e Átila vinha em quinto com 1:07:911.

Daniel Serra conseguia se encaixar em segundo com 1:07:572 e restavam pouco mais de dois minutos para o termino da sessão.

Julio Campos batia na barreira de pneus e o piloto da Prati- Donaduzzi se encontrava na décima quarta posição, mas o treino seguia sem nenhuma bandeira vermelha.

Os pilotos que passavam para o Q3 eram Thiago Camilo, Daniel Serra, Ricardo Zonta, Max Wilson, Galid Osman e Átila Abreu.

[ Como ficou:

[ 7º Marcos Gomes – 1m07s963
[ 8º Valdeno Brito – 1m07s999
[ 9º Diego Nunes – 1m08s039
[ 10º Antonio Pizzonia – 1m08s100
[ 11º Denis Navarro – 1m08s130
[ 12º Rafael Suzuki – 1m08s131
[ 13º Vitor Genz – 1m08s159
[ 14º Julio Campos – 1m08s271
[ 15] Ricardo Maurício – 1m08s509

https://twitter.com/stock_car/status/921751727161905152

lll Q3

Abreu era o primeiro a fazer a sua volta lançada e marcava 1:08:646 e logo em seguida era a vez de Osman e conseguia superar Abreu ao marcar 1:07:800. Max Wilson era o terceiro a entrar na pista e fechava a volta como segundo colocado por registrar 1:08:216.

Zonta que era o quarto a sair para a pista, acabou perdendo a traseira do carro na curva 2 e indo em direção a barreira de pneus. O piloto da Shell Racing vai ficar com o sexto lugar, já que não conseguiu concluir a sua volta.

O carro de Zonta fora recolhido para um lugar mais seguro, para que a classificação tivesse continuidade e Daniel Serra conseguia ir para a pista, mas ficava apenas com o terceiro lugar ao marcar 1:08:253. Thiago Camilo que for o último a ir para a pista e conseguia tirar Max Wilson da segunda posição com 1:07:902. A primeira fila era da Ipiranga Racing.

[ Como ficou:

[ 1º Galid Osman – 1m07s800
[ 2º Thiago Camilo – 1m07s902
[ 3º Max Wilson – 1m08s216
[ 4º Daniel Serra – 1m08s253
[ 5º Átila Abreu – 1m08s646
[ 6º Ricardo Zonta – sem tempo

https://twitter.com/stock_car/status/921757564454531073

https://twitter.com/Pirelli_BR/status/921758798255140865

https://twitter.com/stock_car/status/921765910175723522

Confira como ficou o grid de largada, via site da Stock Car:

Q3:
1. 28 Galid Osman (Ipiranga Racing) 1:07.800
2. 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing) 1:07.902
3. 65 Max Wilson (RCM Motorsport) 1:08.216
4. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC) 1:08.253
5. 51 Átila Abreu (Shell Racing) 1:08.646
6. 10 Ricardo Zonta (Shell Racing) – sem tempo

Q2:
7. 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) 1:07.963
8. 77 Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) 1:07.999
9. 70 Diego Nunes (Hero Motorsport) 1:08.039
10. 1 Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing) 1:08.100
11. 5 Denis Navarro (Cimed Racing Team) 1:08.130
12. 8 Rafael Suzuki (Cavaleiro Sports) 1:08.131
13. 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) 1:08.159
14. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) 1:08.271
15. 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) 1:08.509

Q1:
16. 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport) 1:08.191
17. 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) 1:08.249
18. 40 Felipe Fraga (Cimed Racing Team) 1:08.265
19. 18 Allam Khodair (Full Time Sports) 1:08.350
20. 73 Sergio Jimenez (Bardahl Hot Car) 1:08.360
21. 31 Marcio Campos (Blau Motorsport) 1:08.496
22. 44 Betinho Valério (Hero Motorsport) 1:08.608
23. 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Sports) 1:08.683
24. 117 Guilherme Salas (Vogel Motorsport) 1:08.835
25. 3 Bia Figueiredo (Full Time Academy) 1:08.904
26. 12 Lucas Foresti (Full Time Academy) 1:09.048
27. 9 Guga Lima (Bardahl Hot Car) 1:09.147
28. 25 Tuka Rocha (RCM Motorsport) 1.09.360
29. 0 Cacá Bueno (Cimed Racing) 1:12.577
30. 83 Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) – sem tempo

Resultado sujeito a verificações técnicas e desportivas 

Programação de pista para domingo, 22 de outubro:

08h30 – Largada (Corrida 2) Copa Petrobras de Marcas
10h00 – Largada Mercedes-Benz Challenge
11h00 – 12h00 – Visitação aos boxes e Volta Rápida
13h00 – Largada (Corrida 1) Stock Car   
14h10 – Largada (Corrida 2) Stock Car

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados