Fórmula 1

Felipe Fraga vence mais uma prova da Stock Car, em corrida conturbada na Argentina

Na corrida que marcava o retorno da Argentina para o calendário da Stock Car, Felipe Fraga se tornaria o maior vencedor, até o momento, desta temporada. Somando está vitória na Argentina, o piloto da Cimed Racing atingiu a marca de 12 vitórias na carreira, sendo 7 em pistas onde ele era estreante. Além disso vem batendo recordes expressivos ao longo das temporadas em que participou da Stock Car, como sendo o mais jovem vencedor da categoria, onde conquistou o feito com 18 anos e 7 meses, maior vencedor do Troféu de Melhor Ultrapassagem sendo 9 vezes e recordista de pontos em etapas duplas.

A corrida começou com uma hora de atraso, por conta da chuva que assolou o Autódromo Oscar y Juan Galvez. Quando a pista fora liberada para o inicio da prova, a largada acabou ocorrendo com o Safety Car na pista e a bandeira verde só liberou os carros na abertura da quarta volta. Daniel Serra acabou sustentando a primeira posição, seguido por Thiago Camilo e Felipe Fraga. Já Diego Nunes conseguia realizar uma ultrapassagem em Antonio Pizzonia e briga era pela quinta posição.

O Safey Car acabou dando as caras pela segunda vez na quinta volta, pois Guga Lima havia perdido o controle do carro e batendo no muro de contenção. A relargada aconteceu duas voltas depois e Felipe Fraga acabou utilizando o botão de ultrapassagem para ganhar duas posições e se tornar o líder da prova. Na oitava volta era a vez de Allam Khodair tentar uma ultrapassagem em Pizzonia e um toque entre eles gerar uma grande perda de posições.

Uma bandeira amarela seria acionada na volta 11, quando Marcio Campos acabou perdendo o controle do carro e bateu com força na curva. A relargada aconteceu três giros depois e os líderes começavam a se encaminhar para os boxes, com isso Ricardo Maurício acabou aparecendo na ponta, mas parava na volta seguinte. Rubes Barrichello acabou assumindo a ponta e iria aparar na volta 19.

Com todas as paradas concluídas, Felipe Fraga voltaria a assumir a liderança da prova, seguido por Thiago Camilo que havia conseguido ultrapassar Serra ainda na volta 17.

Guga Lima ainda conseguiu voltar para a prova, o retorno acontecia na 24 volta, mas o piloto, acabou batendo mais uma vez, mas só abandonaria a prova na penúltima volta.

Outro piloto que acabou tendo problemas na prova, foi Barrichello, que teve um pneu furado e rendeu a perda de várias posições, assim como Denis Navarro.

Felipe Fraga por fim conseguia mais uma vitória, tranquila na primeira corrida disputada na Argentina, somando 214 pontos ao final do dia, sendo separado por apenas 44 pontos de Daniel Serra.

Resultado da primeira corrida em Buenos Aires:

1. Felipe Fraga
2. Thiago Camilo
3. Daniel Serra
4. Diego Nunes
5. Marcos Gomes
6. Ricardo Mauricio
7. Valdeno Brito
8. Allam Khodair
9. Gabriel Casagrande
10. Átila Abreu
11. Betinho Valério
12. Antonio Pizzonia
13. Guilherme Salas
14. Ricardo Zonta
15. Cesar Ramos
16. Tuka Rocha
17. Max Wilson
18. Sérgio Jimenez
19. Cacá Bueno
20. Rafael Suzuki
21. Rubens Barrichello
22. Felipe Lapenna
23. Denis Navarro
24. Lucas Foresti
25. Galid Osman
26. Bia Figueiredo
27. Julio Campos
28. Vitor Genz
29. Marcio Campos
30. Guga Lima

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo