ColunistaFórmula 1Post

Em disputa acirrada com Leclerc, Verstappen termina o TL3 na liderança

Os dois pilotos se revezaram na liderança e no final, o atual campeão terminou 0.096 à frente.

Assim como aconteceu nos treinos anteriores, a Ferrari mostrou um bom desempenho e a briga com a Red Bull foi acirrada durante todo o treino. Portanto a classificação promete ser disputada. Max Verstappen encerrou a atividade na ponta, anotando 1m32s544, enquanto Charles Leclerc fechou a atividade na segunda posição, anotando 1m32s640. Sergio Pérez com o segundo carro da Red Bull completou o top-3, depois de cravar 1m32s791.

Saiba como foi o TL3 no Bahrein 

Logo que a luz verde se acendeu, os carros da Haas, Alfa Romeo e Mercedes foram os primeiros a irem para a pista, testando os pneus duros. Depois das voltas de instalação, Zhou foi o primeiro a marcar tempo, sendo superado logo em seguida por seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas. 

Nos quatorze primeiros minutos de treino, apenas os dois tinham tempo marcado, até que Lando Norris colocou a McLaren no topo da tabela com os pneus médios. Logo os pilotos com pneus macios começaram a baixar os tempos e Hamilton assumiu a liderança. 

Isso até a Ferrari entrar na pista e assim como aconteceu nos treinos livres de ontem, os carros da escuderia italiana andaram forte e Leclerc assumiu a liderança com o tempo de 1:33.797.

Chegando perto da metade da sessão, foi a vez de Verstappen fazer sua volta rápida e assumir o primeiro lugar, com uma diferença de 0.762 do piloto monegasco, que na tentativa de retomar a posição, rodou e quase bateu nas barreiras de proteção

Dois pilotos tiveram problemas com seus carros. A McLaren ficou uma parte do treino terminando o conserto do vazamento de água no carro de Ricciardo, encontrado ontem durante o TL2.  O piloto australiano ainda conseguiu ir para a pista, com Tsunoda não tendo a mesma sorte, com um problema hidráulico parando o carro da AlphaTauri quando se preparava para deixar os boxes. 


Com 30 minutos de treino, Verstappen liderava, seguido de Leclerc, Sainz, Perez, Hamilton, Magnussen, Russell. Bottas , Schumacher e Zhou completando os dez primeiros. 

Logo depois, Hamilton partiu para uma volta rápida e ficou a 0.086 de superar o tempo de Verstappen. Faltando 16 minutos para o fim do treino, Russell colocou a Mercedes na frente, fazendo 1:32.935 e ficando 0.100 à frente da Red Bull. 

Do outro lado da tabela, a Alpine fez apenas algumas voltas com o pneu duro e só voltou à pista faltando 12 minutos para o fim da sessão, quando seus pilotos estavam em 15º e 16º. A McLaren, apesar de estar sempre na pista, não conseguia um bom tempo, até que Norris conseguiu colocar o carro papaya em 8º, com Ricciardo em 17º. 

Não demorou muito para Red Bull e Ferrari voltarem a disputar a liderança, com Verstappen voltando ao primeiro lugar, seguido de Leclerc. Russell, Sainz, Hamilton, Bottas, Zhou, Norris, Perez e Gasly completavam os dez primeiros com dez minutos para o fim do TL3. 

No final, Verstappen acabou na liderança do treino, seguido de perto por Leclerc, que ficou a 0.096 do piloto da Red Bull, que ainda teve Perez completando os três melhores colocados. A Haas conseguiu colocar Magnussen entre os dez primeiros, com Stroll também entrando na lista, depois de passar a maior parte do treino entre os últimos colocados. 

Mostrar mais

Denise Vilche

Uma revista antiga sobre carros fez nascer uma paixão: a F1. Uma menina curiosa de oito anos queria saber quem eram aqueles tais de Senna, Piquet, Mansell e cia. que a revista mostrava em gráficos coloridos. E mais de 30 anos depois, essa menina, agora jornalista, continua mais apaixonada pela F1 do que nunca.

Deixe uma resposta

Artigos relacionados